Tudo sobre Cheque Especial

Com certeza você já ouviu falar sobre o famoso cheque especial, que nada mais é do que uma modalidade de crédito, um limite que os bancos disponibilizam na própria conta corrente de seus clientes. Nem todos tem acesso ao “beneficio”, é necessário ser um cliente que movimente a conta, tenha renda comprovada, nome sem restrições e outras exigências que variam de banco para banco.

 

Mas afinal, quando usar o limite do cheque especial? Quais são as vantagens e desvantagens dele?

 

O principal conselho para manter uma vida financeira saudável é usar o cheque especial o mínimo possível, por conta dos juros e IOF. Mas imprevistos acontecem, então o uso do limite do cheque especial deve ser somente em emergência.

 

Como tudo tem um bônus e um ônus, abaixo a principal vantagem e a desvantagem do cheque especial:

 

Vantagem

 

È uma modalidade de crédito mais fácil porque já vem embutida na sua conta corrente, caso não esteja basta entrar em contato com o seu gerente e verificar se é possível a liberação.

 

Desvantagem

 

Tem a maior taxa de juros e IOF do mercado! A porcentagem pode variar de banco para banco, mas eles podem aplicar o quanto quiser encima do que você usa dentro do limite.

 

Conclusão

 

Usar o cheque especial deve destinar-se apenas para emergências, o cliente não fica bem visto aos olhos do banco quando utiliza do limite todos os meses, afinal mostra que a probabilidade dele gastar mais do que ganha é grande, e pode gerar dívidas no futuro.

Se for necessário usar o limite, que seja com atenção e responsabilidade, afinal esse limite é um empréstimo feito pelo banco, que vai ser cobrado com juros e taxas altíssimas.